banner-topo-01.png

6 desvantagens de morar na Suíça

(Este texto reflete apenas a MINHA opinião)


Toda mudança gera um certo de desconforto, por menor que seja. Uma mudança de país então, nem se fala! Em minha opinião uma das melhoras formas de se adaptar aonde quer que seja, é estar abertos às mudanças. Vantagens e desvantagens existem em qualquer lugar do mundo. O que muda, é a maneira de encarar essas desvantagens. Então, minha sugestão é que desfrutemos o máximo possível das vantagens e que nos adaptemos as desvantagens. Citarei, de acordo com o meu ponto de vista, algumas das desvantagens de morar aqui na Suíça:


1. O FRIO E A FALTA DE SOL:

Meus amigos sabem como é difícil para mim atravessar nosso longo inverno. São aproximadamente 6 meses de muito frio, um vento que parece que vai nos cortar ao meio e pouco sol. Aliás esta falta de sol resulta em carência de vitamina D em quase todo mundo aqui, sobretudo nas crianças. Lá em casa todos os anos temos que repor a vitamina D, por meio de injeção intravenosa. Além disso, os dias são curtos. Isto quer dizer que o sol nasce por volta de 08h00 da manhã e se põe em torno das 17h00. Ou seja, quando saio de casa para levar a Laís na escola e ir trabalhar ainda é noite, e quando volto do trabalho para casa no final do dia, também já é noite. Sem falar nos ventos que sopram na velocidade de 60-70km/h, e durante os dias mais frios podem atingir até 120km/hora.


E A NEVE?

Eu amo neve. Acho uma das coisas mais lindas do mundo. Adoro passar o dia na montanha curtindo a neve. Mas lá nas montanhas, não aqui em plena cidade. Porque? Porque a cidade vira um caos. Trânsito péssimo (da última vez não consegui chegar ao meu trabalho, pois os ônibus não circulavam) e inúmeras pegadinhas do faustão, pois a quantidade de pessoas que escorregam na neve e caem não é brincadeira não! Aliás eu já caí também, e mais de uma vez! Hehehehehe


2. MÃO DE OBRA ESPECIALIZADA:

Mão de obra especializada aqui, como manicure, pedreiro, ajudante do lar, custa muito caro, sobretudo se comparados ao Brasil. Quer ter uma ideia? Vamos lá:


· Manicure e pedicure simples +/- 200 reais – unhas de Gel +/-400reais

· Faxineira: +/- 100reais por hora trabalhada

· Pedreiro: +/+ 140reais por hora trabalhada

· Corte de cabelo feminino + escova: +/- 390reais


E mesmo se os salários são mais altos que no Brasil, estes serviços são considerados caros. Já imaginou o valor mensal para fazer as unhas todas as semanas? Pois é.... não dá! E aí,

Stéph pintando o quarto da Gabi

como fazer? Bom, eu aprendi a fazer minhas unhas e meu cabelo, comprei um aparelho de depilação com luz pulsada, dividimos as tarefas de casa e virei fã de tutoriais sobre pequenas reformas domésticas. Eu e o Stéphane já fizemos quase de tudo no nosso apartamento, pintamos paredes, colocamos carpete, montamos todos os móveis, construímos alguns móveis com dimensões específicas, e por aí vai.